Informação que não deve aparecer no seu CV

Nós que trabalhamos na área da gestão de recursos humanos e, especialmente, que durante vários anos realizámos diversos processos de recrutamento, tivemos já a oportunidade de ver centenas de currículos. Neste artigo não damos uma fórmula mágica para fazer o CV perfeito, mas sim alguns conselhos que mesmo pareçam evidentes, repetem-se ao longo dos anos na nossa profissão, sempre que vemos CV’s. Seguem-se algumas sugestões: 1. Existe uma tendência generalizada de colocar na parte superior da primeira página o título “Curriculum Vitae”. Curiosamente este aspecto aparece repetidamente em vários CV’s e sempre em letras enormes. É um aspecto que não faz falta. Quem recebe o seu CV sabe do que se trata. 2. O tema dos idiomas é sempre um tema clássico. Os candidatos insistem em colocar um nível de idioma que não corresponde à realidade. Atenção! Muitas vezes antes da entrevista pessoal é feita uma entrevista telefónica para averiguar alguns dados. A sua hipótese de ser chamado para a entrevista pode acabar logo aqui e mais do que isso, pode comprometer a sua credibilidade daí em diante. 3. Se optar por colocar foto no CV esta deve ser o mais profissional possível. No entanto, há quem insista em colocar fotografias na praia ou em festas. Algo que está errado! Fica outra sugestão: se o fizerem tenham em atenção à ferramenta de “Crop”. Acontece com frequência ser possível expandir a imagem que foi recortada e encontrar segredos que estava a ocultar. 4. Já devem ter lido e ouvido isto centenas de vezes: “o CV não deve ter mais de duas páginas”. Mesmo assim continuamos a receber autênticos livros de 10 ou mais páginas. 5. O que gostam de fazer nos vossos tempos livres, ajuda a [...]